CREF fecha sete academias e identifica 16 pessoas em exercício ilegal da profissão

Crédito da foto: Marcos Garcia/Arquivo/imagem ilustrativaA informação foi repassada pela assessoria de comunicação do CREF/RN
O Conselho de Educação Física do Rio Grande do Norte (CREF/RN) fechou sete academias em Mossoró e flagrou 16 pessoas exercendo ilegalmente a profissão. As informações foram repassadas pela assessoria de comunicação do órgão. Os nomes dos locais e dos profissionais não foram revelados pela entidade.
A fiscalização do conselho visitou 95 estabelecimentos em Mossoró, Baraúna e Areia Branca. Destes, 91 foram academias, um projeto desenvolvido pela Prefeitura de Mossoró e três colas. Elas oferecem o serviço de atividade física e desportiva.
Segundo o CREF/RN, as pessoas identificadas exercendo a profissão de forma irregular vão ser denunciadas ao Ministério Público por exercício ilegal da profissão. O órgão explica que apenas pessoas habilitadas e registradas podem atuar como Profissionais de Educação Física, como determina a lei federal 9.696/98, que regulariza a profissão.
O Conselho de Educação Física esteve com um escritório funcionando em Mossoró entre os dias 13 a 17 de maio. Foram realizados 30 atendimentos diversos como consultas e solução de dúvidas. 41 cédulas de identidade profissional foram entregues e 32 serviços protocolados.
O CREF também realizou uma tarde de formação para Responsáveis Técnicos de academias de Mossoró e outras 22 cidades com palestras com o próprio Conselho, Ministério Público, Vigilância Sanitária e Corpo de Bombeiros.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.