Areia Branca receberá projeto Justiça e Escola desenvolvido pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte

Areia Branca receberá projeto Justiça e Escola desenvolvido pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte
O projeto será desenvolvido em parceria com a secretaria Municipal de Educação como forma de conscientizar pais, alunos, educadores e a comunidade em geral sobre seus direitos e deveres demonstrando a forma de exercê-los através de palestras com questões relativas à cidadania, ética, justiça e ao mesmo tempo contribuindo para uma política de paz através dos pilares que constroem o caráter: sinceridade, respeito, responsabilidade, senso de justiça, zelo e cidadania, entre outros valores essenciais para o desenvolvimento de futuros cidadãos.
A prefeita Iraneide Rebouças participou de uma reunião no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte onde ficou decidido que Areia Branca vai receber no mês de maio o projeto Justiça e Escola que aproxima o Judiciário da comunidade e previne conflitos no âmbito escolar.
O projeto será desenvolvido em parceria com a secretaria Municipal de Educação como forma de conscientizar pais, alunos, educadores e a comunidade em geral sobre seus direitos e deveres demonstrando a forma de exercê-los através de palestras com questões relativas à cidadania, ética, justiça e ao mesmo tempo contribuindo para uma política de paz através dos pilares que constroem o caráter: sinceridade, respeito, responsabilidade, senso de justiça, zelo e cidadania, entre outros valores essenciais para o desenvolvimento de futuros cidadãos.
Para a realização do programa Justiça e Escola serão ministradas palestras pelos magistrados, servidores do judiciário e parceiros sobre os mais variados temas como noções básicas sobre a estrutura e o funcionamento do Poder Judiciário estadual.
“Também teremos palestras sobre código de defesa do consumidor, deveres e direitos básicos do cidadão, violência doméstica, drogas, bullying, entre outros assuntos que serão muito importante para o aprimoramento de nossa comunidade”, disse a prefeita Iraneide. Os educadores serão capacitados como multiplicadores da metodologia ‘O caráter conta’ utilizada no programa Justiça e Escola que se fundamenta na educação elencada com valores necessários á formação do cidadão.
Além da prefeita Iraneide Rebouças que estava acompanhando do esposo José Alfredo, também participaram da reunião Maria Zeneide Bezerra – desembargadora da Câmara Cível e coordenadora do Núcleo de Ações e Programas Socioambientais do TJRN (NAPS), Andrea Barreto – coordenadora administrativa do NAPS e do programa Justiça na Praça, capitão Paulo Souza – coordenador adm. do NAPS e do programa  Justiça e Escola, a pedagoga Adriana Pinheiro e os coronéis aposentados da aeronáutica William e Dias Gomes que coordenam o PROFESP – Programa Força no Esporte.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.