Senado promove audiência para debater investimentos da Petrobras no RN e a situação da Refinaria Clara Camarão


Se decisão não for revertida, Refinaria Potiguar Clara Camarão deixará de ser refinaria (Foto: Reprodução)

Por proposição da senadora Fátima Bezerra (PT-RN), a Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado promoverá Audiência Pública para debater “os planos de investimento e estrutura de gestão da Petrobras no Rio Grande do Norte, em especial quanto à Refinaria Potiguar Clara Camarão”.
O evento será realizado nesta quarta-feira, 8, às 9h, na Sala de Reuniões nº 13, da Ala Alexandre Costa, Anexo II, sendo motivado principalmente pela mudança de status da Refinaria Potiguar Clara Camarão (RPCC), que passa a ser gerenciada pela Diretoria de Exploração & Produção, saindo da esfera da Diretoria de Refino e Gás Natural.
Atualmente, a Refinaria Potiguar Clara Camarão tem capacidade para refinar 45 mil barris de petróleo por dia, abastecendo os mercados do Rio Grande do Norte e de parte do Estado do Ceará com gasolina, querosene de aviação e óleo diesel.
Para a Diretoria Colegiada do Sindicato dos Petroleiros e Petroleiras do Rio Grande do Norte (Sindipetro-RN), a transformação da unidade em Ativo Industrial vinculado à Diretoria de Exploração & Produção é parte de um movimento maior que a Petrobrás já vem fazendo, e que visa se retirar de atividades de exploração e produção em terra. (Com informações do Sindipetro-RN).

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.