Souza cobra concurso público para a Polícia Militar e destina emendas para videomonitoramento

Souza volta a cobrar ações do Governo para conter a violência (Foto: João Gilberto/ALRN)
Há mais de 10 anos sem realizar concurso público e com um déficit de mais de 4 mil homens somente na Polícia Militar (PM), o Governo do Estado está sendo cobrado pelo deputado estadual Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS), quanto ao lançamento de edital para concurso público da corporação.
Em recente pronunciamento na Assembleia Legislativa, Souza ressaltou que não adianta falar em aumento do efetivo nos municípios, “se somos conscientes que há mais de dez anos não há concurso público”.
O parlamentar afirmou que não apresentará mais requerimento solicitando aumento de efetivo, porque é ciente de que enquanto não houver concurso para reposição dos policiais militares não há como aumentar o efetivo.
O deputado Souza reforçou que são necessárias medidas efetivas de combate à violência e também chamou a atenção para o videomonitoramento nos municípios. “Destinei emendas para o videomonitoramento em Areia Branca, que é estratégico para o município que só tem uma entrada e uma saída”, acrescentou.
Souza também falou das emendas destinadas aos municípios de Governador Dix-Sept Rosado e Frutuoso Gomes para instalação de câmeras de segurança nas principais vias públicas das duas cidades.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.