Físico areia-branquense é um dos finalistas do maior prêmio da literatura do país

Professor Carlos Alberto dos Santos, uma autoridade em Física (Foto: Arquivo pessoal/Facebook)
Professor Carlos Alberto dos Santos, uma autoridade em Física (Foto: Arquivo pessoal/Facebook)
Na próxima sexta-feira, 11, serão conhecidos os vencedores do Prêmio Jabuti 2016, o maior troféu da literatura do país, conferido peal Câmara Brasileira do Livro (CBL). Entre os 10 finalistas do prêmio, um é natural de Areia Branca. Trata-se do físico Carlos Alberto dos Santos, que concorre na categoria Ciências da Natureza, Meio Ambiente e Matemática.
O físico Carlos Alberto teve o seu livro “Energia e Matéria: da fundamentação conceitual às aplicações tecnológicas”, selecionado para concorrer ao prêmio. A obra reúne conceitos básicos e fundamentais sobre Energia e Matéria, a partir do olhar de físicos, biólogos e químicos.
Segundo o autor, o material pode ajudar professores que desejem orientar uma abordagem interdisciplinar no ensino de Ciência.
A cerimônia de entrega dos prêmios acontece no dia 24 de novembro, no auditório do Ibirapuera, em São Paulo (SP).
Carlos Alberto dos Santos
Natural de Areia Branca, Carlos Alberto dos Santos é bacharel em Física pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ). Ele tem mais de 70 artigos científicos publicados em revistas nacionais e internacionais e mais de 100 crônicas, resenhas de livros e artigos de divulgação científica em meios de comunicação de massa nacionais.
Carlos Alberto dos Santos tem mestrado e doutorado em Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com estágio de pós-doutorado no Centro de Estudos Nucleares de Grenoble, França.
De 1974 a 1992 foi professor do Departamento de Física Teórica e Experimental da Universidade Federal o Rio Grande do Norte (UFRN). Em 1992, transferiu-se para o Instituto de Física da UFRGS, pelo qual se aposentou em 2005.
Fonte: Costa Branca News

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.