Voltalia iniciará a construção de mais um parque eólico no município de Serra do Mel

Robert Klein destaca potencial do RN na geração de energias renováveis (Foto: Voltalia)
Robert Klein destaca potencial do RN na geração de energias renováveis (Foto: Voltalia)
O Brasil é peça fundamental nos planos da empresa de energia renovável Voltalia, de origem francesa. A companhia está prestes a iniciar a construção de mais um parque eólico, no Rio Grande do Norte, com capacidade instalada de 27 MW. Ao todo, a Voltalia já soma 381 MW em funcionamento no país, mas esse número vai aumentar nas próximas semanas, já que a empresa colocou em operação recentemente o Complexo Eólico Vila Pará, no município de Serra do Mel (RN). Quando estiver em pleno funcionamento, o empreendimento ajudará a companhia a chegar à marca de 402 MW de capacidade.
O diretor-geral da Voltalia no Brasil, Robert Klein, informa que está prestes a iniciar a construção de mais um parque eólico também no município de Serra do Mel. É o Vila Acre I com capacidade instalada de 27 MW e que se tornou possível a partir do último leilão que a Voltalia participou, em novembro de 2015.
“Todos esses empreendimentos localizados no Estado do Rio Grande do Norte são possíveis graças à gestão de projetos no conjunto Serra Branca, uma área que reúne projetos adjacentes com potencial de 1,2 GW, desenvolvida pela Voltalia”, explica o executivo.
Ainda conforme Robert Klein, os complexos beneficiam-se da infraestrutura já existente, construída em 2014 para o Complexo Eólico Areia Branca e que pertence ao conjunto Serra Branca, incluindo uma linha de transmissão de alta tensão de 52 km e capacidade instalada de 400 MVA, ambos de propriedade da Voltalia.
Serra do Mel
Recentemente, a Voltalia iniciou a operação de 26 aerogeradores, com 3 MW de capacidade instalada cada, em seu Complexo Eólico Vila Pará, localizado no município de Serra do Mel. A partir da entrada em operação desses 78 MW em Vila Pará, a Voltalia ajudou o Brasil a ultrapassar a marca histórica de 10 GW de energia eólica. “Nas próximas semanas, esperamos colocar 100% de Vila Pará em operação, que possui capacidade instalada total de 99 MW”, acrescenta o executivo.
“Em junho deste ano, inauguramos o Complexo Eólico Vamcruz, também no município de Serra do Mel, e que possui capacidade instalada total de 93 MW, por meio de seus 31 aerogeradores. Vamcruz tem potencial para gerar aproximadamente 450 gigawatts-hora (GWh) por ano, energia suficiente para atender mais de 200 mil famílias, e ainda reduzir a emissão de CO2 em aproximadamente 160.535 toneladas por ano”, conclui Robert Klein. (Com informações Petronotícias).

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.