Apagado, Neymar ouve gritos de “Marta”, e seleção empata com Iraque

Neymar foi o mais acionado da seleção contra a África do Sul. Errou demais, mas não se omitiu. Diante do Iraque, neste domingo, em Brasília, foi o contrário. Apagadíssimo, o camisa 10 pouco criou e foi um dos principais alvos de uma torcida que perdeu a paciência com o time olímpico brasileiro. Lento e previsível, o capitão teve de ouvir gritos de “Marta” durante todo o segundo tempo. Não teve como responder: em outra atuação decepcionante, a equipe de Rogério Micale empatou em 0 a 0. 
Na quarta-feira, a seleção enfrenta a líder Dinamarca, com quatro pontos, em Salvador, às 22h (de Brasília). Os iraquianos enfrentam a África do Sul, que tem um ponto, no mesmo horário, em São Paulo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.