ACIDENTE DE TRÂNSITO GERA CORRERIA E VIOLÊNCIA

Em casos de acidentes o ideal é chamar a policia para evitar que algo pior aconteça além do próprio acidente.
Um fato inusitado mas cada vez mais comum ocorreu na manhã desde Domingo por volta das 10 horas. Na esquina da rua Joaquim Nogueira de encontro com a Rua Cel Liberalino houve colisão entre uma moto e um automóvel. Os dois passageiros da motocicleta foram arremessados ao chão e com ferimentos superficiais fugiram ao ver a reação de revolta do motorista do automóvel. O mesmo perseguiu os dois até uma distância de 60 metros. O carona da moto conseguiu se evadir do local, mas o que guiava a moto entrou em conflito com o motorista do automóvel. Na briga o motociclista que segundo muitos no local estava bêbado, acabou levando a pior com ferimentos visíveis no rosto. O motociclista que estava em direção a esquina não parou para dá preferencia ao motorista que trafegava pelo Cel Liberalino causando a inevitável colisão. O motociclista ferido ficou algum tempo sentado na calçada em frente ao Cartório de Giselda onde permaneceu o motorista transtornado, bastante nervoso e insatisfeito com o acidente. Depois de alguns minutos chegou um policial, algemou o motociclista e o levou a delegacia.


Opinião: Guiar uma motocicleta alcoolizado é quase assinar um termo de suicídio ou de risco a vida de outras pessoas. Em alguns acidentes de irresponsabilidade como esse onde pode ter sido causado pela bebida alcoólica e não há vitimas fatais ou graves, pode ocorrer brigas e em muitos casos resultados bastante negativos devido ao alto fator de stress e descontrole que o trânsito em sim já causa. Nesses casos o ideal é chamar a policia para evitar que algo pior aconteça além do próprio acidente.

Angelo Vale







Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.