quinta-feira, 26 de maio de 2016
Prefeita Lidiane (centro) com a gerente Juliana e a secretária Carine Amaral (Foto: Erivan Silva)
Prefeita Lidiane (centro) com a gerente Juliana e a secretária Carine Amaral (Foto: Erivan Silva)
A prefeita de Areia Branca, Lidiane Garcia (PMN), adotou uma nova prática em sua administração, ao despachar diretamente na Secretaria Municipal de Serviços Públicos, Urbanismo e Obras. Ela informou que, a partir de agora, pretende levar avante esse projeto. A cada semana vai escolher uma pasta para despachar normalmente.
Com essa inovação, a prefeita Lidiane Garcia pretende conhecer mais de perto os principais problemas enfrentados pelos secretários e gerentes. “O objetivo é tomar pé da situação como um todo, para obter uma visão global das diversas situações e poder encaminhar a melhor decisão”, disse.
A prefeita explicou que pretende estar mais perto das secretarias municipais e se inteirar dos principais problemas enfrentados pelos secretários tão logo eles surjam, e contribuir sempre que possível para a solução das questões mais urgentes que afetam os diversos setores da administração municipal.
Ontem, 25, Lidiane Garcia despachou com a titular da pasta dos Serviços Públicos, engenheira Carine Amaral, e com a gerente executiva de Gestão Ambiental, Juliana Rebouças. Ela ainda recebeu outros auxiliares do primeiro escalão para tratar de questões mais urgentes, em continuidade ao novo método de trabalho.
A prefeita considera que o despacho nas secretarias é uma forma de descentralizar sua administração, e conhecer de perto as diversas realidades dos diferentes setores do município. “Vamos atuar junto com o secretário, o que nos permite o conhecimento da situação, o planejamento das soluções e a execução das ações desejadas”, conclui.
Souza faz discurso duro no plenário do legislativo estadual (Foto: Eduardo Maia)
Souza faz discurso duro no plenário do legislativo estadual (Foto: Eduardo Maia)
Veja abaixo, discurso feito pelo Deputado Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS), nesta quarta-feira, 25, na Assembleia Legislativa, no qual cobra recursos de suas emendas para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) em Mossoró, e critica o Governo do Estado:
Senhor presidente, colegas deputados, cidadãos presentes nas galerias e quem nos acompanha pela TV Assembleia.
Uso a palavra nesta tribuna, para manifestar profunda decepção com o envolvimento do meu nome numa pendenga política e, talvez pessoal, entre o governador Robinson Faria e seu principal aliado no interior do estado, o prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior.
Fui instado pelo governador a apontar um nome de formação técnica para o estratégico cargo de direção da 12ª Diretoria Regional de Educação (Dired), com sede em Mossoró.
Deixei claro que não tinha interesse em nomear ninguém, para cargo algum. Minha prioridade era que ele liberasse as emendas no valor total de R$ 1,8 milhão para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) concluir obra física imprescindível para a cidade e mais de 50 municípios na região.
Quero ressaltar, que nunca qualquer deputado de Mossoró ou região tinha destinado todas as suas emendas para o Tarcísio Maia. Sou o primeiro, por entender sua importância fundamental à saúde da região.
Quero lembrar ainda, que meu apelo não é um favor, mas obrigação do Governo. As emendas não são propositivas apenas, elas são impositivas. O Governo tem o dever legal e moral de liberar esses recursos.
Há meses que apelo em discursos aqui, através de entrevistas, em audiências com o então secretário da Saúde, Ricardo Lagreca, além do próprio governador. Mas até aqui Mossoró e região continuam pedindo e até implorando que esses recursos sejam liberados. Tudo em vão.
Mas voltando ao assunto nuclear da minha fala, registro aqui minha decepção com o que ocorreu nas últimas 24 horas. Sugeri o nome da assistente social, ex-dirigente da Fundac em Mossoró e com larga experiência em outros cargos no serviço público, Lenilce Machado, para a Dired.
Antes disso, ponderei se isso não causaria embaraços para o prefeito Francisco José Júnior, haja vista que dona Rina Márcia, a diretora, é sua sogra. Foi garantido que não. O próprio líder do PSD, deputado Galeno Torquato, foi-me claro: “Se você não indicar, eu o farei!”.
Tudo bem. Fiz a indicação.
Mas 24 horas depois, no mesmo Diário Oficial do Estado é revisto o que o governador fez ontem. Volta Rina Márcia. É desfeita a nomeação de dona Lenilce Machado.
Os dois atos são prerrogativas do governador. A ele cabe nomear e “desnomear”. Só não entendo o uso do meu nome nesse episódio. Apresentei uma sugestão em nome do interesse público. Dona Lenilce Machado não é minha correligionária, não votou em mim, mas no próprio prefeito Francisco José Júnior.
Se existe abalo no relacionamento político e pessoal entre governador e prefeito, que resolvam entre si. Volto a dizer que não entendo por que fui envolvido nesse caso lamentável, que inclusive produz outras consequências.
Como já afirmei em várias entrevistas e aqui no plenário, “não sou deputado governista nem oposicionista”. Fui eleito para ser deputado do povo do Rio Grande do Norte e não do governador ou de opositores dele.
Continuarei exercendo esse papel aqui e no dia a dia, indo às secretarias, empresas públicas e autarquias do Estado, intermediando pleitos da coletividade, principalmente da minha região.
De novo, volto a pedir e apelar, com apoio dos demais colegas de Casa, que o Governo do Estado cumpra seus compromissos com Mossoró e região. O isolamento a que somos submetidos, não prejudica apenas ao prefeito, aliado do governador. Que se entendam se for o caso.
Peço que atenda ao nosso povo, cumpra com a palavra empenhada em campanha e reiterada para mim, no caso da liberação de recursos legais e destinados por mim, para o Tarcísio Maia.
É só.
Espero que esse episódio me envolvendo termine aqui. De minha parte, o respeito sempre; o equilíbrio sempre. Jamais a deselegância e o descompromisso.
Muito obrigado.

Milton Paniagua, da Navenor, primeira empresa a fechar o acordo (Foto: Jailton Rodrigues)
Milton Paniagua, da Navenor, primeira empresa a fechar o acordo (Foto: Jailton Rodrigues)

Após três meses de negociações, finalmente foi definido o reajuste salarial para os marítimos que trabalham nas empresas de navegação no porto de Areia Branca. A empresa Navenor e os Sindicato Marítimos chegaram a um consenso e assinaram o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) para o período 2016-2017.
A data-base da categoria da classe marítima que opera no transporte de sal para o Porto-Ilha, é em 1º de fevereiro. O Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) referente aos 12 meses que antecedem a data-base, foi calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE) em 11,30%.
O reajuste será retroativo a fevereiro e a empresa Navenor, a primeira a fechar o ACT, pagará  aos funcionários marítimos no mês de junho, 50% da diferença referente aos meses fevereiro, março e abril. O vale-alimentação e os serviços de limpeza de porão também foram reajustados com o mesmo índice do reajuste  salarial.

Batista Souto, Lenilton do Vale e Francisco Ventura, representantes dos sindicatos (Foto: Reprodução)
Batista Souto, Lenilton do Vale e Francisco Ventura, representantes dos sindicatos (Foto: Reprodução)

Participaram das negociações como representantes da empresa, o superintendente da Navenor, Milton Paniagua, e o Gerente de Recursos Humanos (RH), Sylvio Rodrigues Maia Júnior; tepresentando os trabalhadores aquaviários, o presidente do Sindicato dos Mestres e Contramestres, Batista Souto; o presidente do Sindicato dos Aquaviários de Máquinas/RN, Lenilton do Vale, e Francisco Ventura, delegado representante do Sindicato Nacional dos Marinheiros e Moços e Sindicato Nacional dos Taifeiros e Culinários Marítimos.
Confira a tabela salarial das empresas de navegação de Areia Branca-RN.
CAT.FUNÇÃOSALÁRIO
MCBComandante4.580,15
CTRImediato3.488,32
MNCMarinheiro de Convés2.745,37
MOCMoço de Convés2.170,29
MACMarinheiro Aux. Convés1.995,54
CDMCondutor Chefe4.163,84
MNMChefe3.488,84
MNMMarinheiro de Máquinas3.132,35
MOMMoço de Máquinas2.463,80
MAMMarinheiro Aux. Máquinas2.128,94
CZACozinheiro2.745,37

Macau                                                                                R$ 1.053.281,00 C                                                                            Guamare                                                                             R$ 909.415,41 C
Mossoró                                                                             R$ 867.682,71 C
Areia Branca                                                                      R$ 849.504,63 C
Alto do Rodrigues                                                             R$ 757.017,23 C
Grossos                                                                              R$ 718.634,40 C
Afonso  Bezerra                                                                R$ 714.187,58 C
Ielmo Marinho                                                                  R$ 705.131,10 C
Tibau                                                                                  R$ 700.331,03 C
Felipe Guerra                                                                     R$ 568.807,77 C
Serra  do  Mel                                                                    R$ 497.154,56 C
Pendências                                                                         R$ 258.946,48
Governador Dix Sept  Rosado                                         R$ 200.987,23 C
Apodi                                                                                 R$ 192.658,23 C
Carnaubais                                                                        R$ 179.635,31 C
Caraubas                                                                           R$ 117.885,03 C
Porto do Mangue                                                              R$ 61.740,83 C
Poderá também gostar de:
Para jogar nas loterias da Caixa, você aposta na Lotérica Milagrosa
Duas apostas acertaram as seis dezenas do concurso 1.821 da Mega-Sena e vão levar 19.896.531,79 cada uma. As apostas são de Salvador (BA) e Belém (PA). O sorteio foi realizado na noite desta quarta-feira (25) em Alto Jequitibá (MG).
Veja as dezenas: 19 - 22 - 31 - 36 - 52 - 53.
A quina teve 84 apostas ganhadoras, e cada uma vai levar R$ 41.772,19. A quadra teve 6.145 apostas ganhadoras, e cada uma vai ganhar R$ 815,73.
O concurso 1.822 será realizado no sábado (28). A estimativa de prêmio é de R$ 2,5 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal.

Delator Sérgio Machado gravou conversas com Renan e Sarney.
Ambos negam que diálogos fossem tentativas de interferir na operação. Fonte: G1

Gravações feitas pelo ex-senador e ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, que teve acordo de delação premiada homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), indicam articulações entre ele e políticos do PMDB para prejudicar as investigações da operação Lava Jato.
Diálogos gravados por Machado com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e com o ex-presidente da República e ex-senador José Sarney (PMDB-AP) mostram tentativas de assegurar que Machado não fosse preso e de alterar leis para favorecer políticos investigados.
Renan e Sarney negam que os diálogos sejam tentativas de interferir na Lava Jato, que investiga desvio de recursos de contratos da Petrobras.
Sérgio Machado era considerado pelos investigadores o caixa da cúpula do PMDB, mas ele afirmou em várias conversas que não havia provas que ligassem nenhum dos líderes do partido ao esquema. Ele pediu ajuda para evitar que novas delações surgissem ou que o juiz Sérgio Moro o pressionasse a falar. Em uma conversa de 10 de março, o ex-presidente José
Sarney (PMDB) disse que ajudaria Machado a não ser preso.
SARNEY – Isso tem me preocupado muito porque eu sou o único que não estive num negócio desses, sou o único que não estive envolvido em nada. Vou me envolver num negócio desse.
MACHADO – Claro que não, o que acontece é que a gente tem que me ajudar a encontrar a solução.
SARNEY – Sem dúvida.
MACHADO – No que depender de mim, nem se preocupe. Agora, eu preciso, se esse p**** me botar preso um ano, dois anos, onde é que vai parar?
SARNEY – Isso não vai acontecer. Nós não vamos deixar isso.
Um dia depois, numa conversa com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), Sérgio Machado reclama do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e diz que ele trabalha para que Machado seja julgado pelo juiz Sérgio Moro, da Justiça Federal emCuritiba. Renan diz que isso não pode acontecer.
MACHADO – O que eu quero conversar contigo... Ele não tem nada de você, nem de mim... O Janot é um filho da **** da maior, da maior.
RENAN – Eu sei. Janot e aquele cara da... Força tarefa...
MACHADO – Mas o Janot tem certeza que eu sou o caixa de vocês. Então o que ele quer fazer... Não encontrou nada e nem vai encontrar nada. Então, quer me desvincular de você. [...] Ele acha que no Moro, o Moro vai me prender, e aí quebra a resistência, e aí f****. Então, a gente precisa ver. Andei conversando com o presidente Sarney, como a gente encontra uma... Porque, se me jogar lá embaixo, eu tou fo****.
RENAN – Isso não pode acontecer.
Após passar por bateria de exames na última terça-feira, o técnico Muricy Ramalho optou por dar uma nova pausa na carreira e está fora do Flamengo. A decisão partiu de Muricy - foi publicada pelo Uol, com a confirmação do GloboEsporte.com em seguida - e será comunicada nesta quinta-feira. A intenção é já anunciar o novo treinador o mais rapidamente possível, e o nome preferido é o de Abel Braga, que ficou seduzido com a procura do Fla.
Abel tem uma questão a resolver com o Al Jazira-EAU, clube que o demitiu em dezembro e com o qual fez acordo de só assumir novo compromisso após pagamento da rescisão contratual.  O treinador sofrerá uma queda salarial ao assumir o Flamengo, mas isso não é problema e ele aceita ganhar os mesmos R$ 400 mil que Muricy recebe mensalmente.
Fonte: Globo Esporte.Com

Atletas do futsal do Educandário para os jogos da Província: Teles, Heitor, Lucas, Guilhermo, Luiz, Araújo, Matheus e Pedro
O Educandário Nossa Senhora dos Navegantes irá participar dos Jogos Pronaves que vai acontecer na cidade de Assu de 26 a 29 de maio. O grande anfitrião desta festa Esportiva é o colégio Nossa Senhora das Vitórias que vai receber as demais escolas da Província, com uma estimativa de mais de 600 atletas para está edição dos jogos.  Além do Educandário de Areia Branca, irão participar o Neves de Natal, Jesus Menino de Currais Novos, Cristo Rei (Patos na Paraíba), Santa Terezinha (Caicó), Cristo Redentor (Palmeiras dos Indíos - Alagoas). Vão ser disputadas várias modalidades distribuídos nas categorias: Pré-Mirim (Sub 11), Mirim, Infantil e Juvenil (Masculino e Feminino). Teremos as disputads de Xadrez, Futsal, Natação, Voleibol de quadra e Areia, Judô ,Taekewdoo e Atletismo.

O Educandário levará uma delegação de 20 pessoas entre atletas e acompanhantes, e será coordenada pela diretora Irmã Mara Rúbia. A equipe de Futsal do colégio treinada pelo professor Castro, está sendo representada por alunos do 3º ano B, 4º ano A e B, e o 5º ano.

A abertura dos jogos acontecerá nesta quinta-feira, 26, na praça de eventos da cidade de Assu, aonde acontece o São João da cidade. Está sendo preparado uma grande festa  de abertura para  comemorar este evento grandioso das escolas Proneves.

Nova ambulância já está à disposição do complexo hospitalar
Nova ambulância já está à disposição do complexo hospitalar
Melhora na qualidade, agilidade no atendimento e manutenção preventiva serão alguns dos benefícios que a população vai sentir com as novas ambulâncias que estão sendo adquiridas pela prefeita Lidiane Garcia (PMN).
Nesta terça-feira, 24, a prefeita fez entrega de uma ambulância nova, tipo Doblô, para atender demanda no Hospital Sara Kubitscheck e Maternidade Dr. Wilon Alves Cabral.
Espaço interior do veículo  adquirido pela nova gestão
Espaço interior do veículo adquirido pela nova gestão
Uma segunda ambulância será adquirida ainda neste mês de maio, anunciou Lidiane Garcia.
De acordo com a secretária municipal de Saúde, Luíza Castro, as novas ambulâncias vão suprir as necessidades no setor, já que os veículos existentes estão em precárias condições de uso.
Além dessa, a prefeita já anunciou que vai adquirir mais uma  ambulância
Além desta, a prefeita já anunciou que vai adquirir mais uma ambulância
A secretária disse ainda que com esta reposição de ambulâncias será dado mais qualidade ao atendimento e mais agilidade.
A intenção da prefeita Lidiane Garcia é comprar novas ambulâncias para atender a zona urbana e as principais comunidades rurais.
Fotos: Divulgação Assessoria 

Tecnologia do Blogger.

Blog Archive

Arquivo

Search

Carregando...